Blog@qui | História Nove

Espaço de reflexão sobre as aulas de História | Externato Maria Auxiliadora | Viana do Castelo

10.10.06

A ascensão dos EUA

Com base no esquema em baixo, e utilizando todos os conceitos, explica como se processava o modelo de produção americano.



12 Comments:

  • At 18.10.06, Anonymous Ana Judyte e Ana Pedru said…

    O Modelo Americano é conhecido por um novo sistema de organização de trabalho. Este novo método, é caracterizado por um trabalho mais rápido e mais eficiente, onde se aplicava o Taylorismo, ou seja, o trabalho feito por operários especializados em determinadas tarefas, sempre as mesmas, de modo a conseguir realiza-las no minimo de tempo, com o máximo de eficácia; o trabalho em cadeia feito através de tapetes rolantes, passando diante do operario, em vez de ser este a deslocar-se; a Estandardização, ou seja, uniformização dos modelos dos produtos fabricados, o que permite o desenvolvimento do fabrico em série, e a produção em larga escala. Tudo isto, são os principios do Fordismo, inventado e defendido por Henry Ford. Para motivar os trabalhadores, e como o lucro era muito, Ford aumentou os salários dos operários, não só para os motivar, mas também para adquirir algum dos produtos finais. Este modelo americano, foi caracterizado pela febre de consumo.

     
  • At 18.10.06, Anonymous Martita e Phyllipa said…

    O modelo de produçao americana baseia-se num novo sitema de organizaçao de trabalho. O pioneiro e inventor deste modelo de produção foi Henry Ford, por isso foi mais tarde designado por fordismo, baseava-se nos seguintes principios: aplicaço do taylorismo (sistema de organização do trabalho, criado por Taylor, e que pretende obter, com a maior economia de tempo e de esforço, o máximo em produção e rendimento) e do trabalho em cadeia (é o trabalho em que o objectivo que se está a produzir passa diante do operário e assim este não tem que deslocar-se); estandardizaçao (é a uniformização dos modelos dos produtos fabricados, o que permite o desenvolvimento do fabrico em série e a produção em largas escala) e pelo aumento dos salarios. O modelo de produção em série americano não tardaria a ser adoptado por outros países!

     
  • At 18.10.06, Anonymous Luciano André e Tiago Lima said…

    Devido á teoria de taylorismo(cada operario tinha um trabalho especifico e nao muitos trabalhos) mais a tecnica de produçao de Henry Ford (o desenvolvimento do tapete rolante que permitia uma rapida produçao)estas duas tecnicas juntas faziam com que houvesse uma produçao rapida e por consequente em grande quantidade.

     
  • At 18.10.06, Anonymous Márcia e Margarida =) said…

    Através do esquema apresentado, conseguimos verificar todos os passos que levaram a uma melhoria nos lucros. Tudo isto deve-se a vários passos que Henry Ford e Taylor tomaram.
    O taylorismo (sistema idealizado por Taylor), tinha como objectivo obter melhorias de eficiência e o acréscimo de bens económicos para todos.O trabalho em cadeia era realizado através de tapetes rolantes (trabalho em série).Estandardização é o processo de fabricação que visa diminuir os objectos do mesmo estilo.
    Tudo isto levou à redução do tempo de trabalho e ao aumento do ritmo de produção, o que conduziu à diminuição do preço do produto.
    Ford passou a pagar altos salários aos trabalhadores,o que lhes dava vontade de se manterem nos seus lugares(fordismo). A publicidade também teve uma importância muito sigificativa. Todas estas razões levaram ao aumento do consumo e dos lucros.

     
  • At 18.10.06, Anonymous Nuno&Loïc said…

    O modelo de produção americana processava-se de uma maneira diferente. Este utilizava três métodos de trabalho inovadores:

    _Estandartização - uniformização dos modelos dos produtos frabricados permitindo o frabrico em série e a produção em massa.
    _Taylorismo - especialização dos operários em determinadas tarefas pequenas.
    _Trabalho em cadeia - trabalho realizado através de tapetes rolantes com o objectivo de não obrigar o operário a descolar-se o que seria uma perda de tempo.

    Esta junção de ideias foi feita por Henry Ford aplicando isto nos modelos das suas fábricas. Mesmo com isto tudo Ford tinha outra ideia que era a de pagar bem aos seus trabalhadores com o objectivo de tornar o seu produtor em consumidor...

     
  • At 18.10.06, Anonymous Joao A. & Flavio A. said…

    O metodo de produçao Americano, é conhecido graças a sua exigente organizaçao.É conhecido por trabalho em cadeia, pois cada operario tem funçoes proprias, e trabalham em cima de um tapete rolante, que por um lado facilita a produçao, porque os operarios nao necessitam de se movimentar dentro das fabricas, e tem o material necessario a frente deles, mas por outro lado dificulta, porque os operarios precisam de ser extremamente rapidos para terminar a sua funçao.
    Outro principio intruduzido por Henry Ford, foi o aumento dos salarios dos operarios, quanto melhor o seu desmpenho, e para motivar os operarios a nao quererem sair daquele posto de trabalho.

     
  • At 18.10.06, Anonymous Gonçalo Martins e João Filipe said…

    Um importante factor que contribuiu para o crescimento economico dos EUA foi a constante procura que estimulava a produção outros factores que também contribuiram foram: a esrandardização, a aplicação do taylorismo e o aumento dos salários.

     
  • At 27.11.06, Anonymous alicia said…

    O rapido crescimento economico dos EUA foi possivel graças aos novos metodos de produçao e de organizaçao do trabalho: o taylorismo consistia em que cada operario desempenhava apenas uma unica tarefa ''o trabalho em cadeia''; o fordismo que era a produçao em serie ou em massa atraves da estandardizaçao; a concentraçao de empresas que era um novo modo de produçao que exigia grandes investimentos,quer em novas maquinas quer na mao de obra,por isso,apenas as empresas maiores conseguiam ter sucesso,originando a formaçao de monopolio e como refere o esquema com esses metodos todos os EUA conseguiam lucros e uma produçao muito bem desenvolvida e boa....

     
  • At 10.12.06, Anonymous Vera said…

    A nova organizaçao de trabalho dos E.U.A., é caracterizado pelo método de trabalho em cadeia, ou seja, o trabalho vai ter com o operario em vez de ser ele a ir ter com o trabalho, pelos tapetes rolantes.
    outro método é o metodo de estandardizaçao, que uniformiza os modelos, podendo assim fabricar em serie e produzir muito.
    Por fim, o 3º método é o da organizaçao do trabalho, onde se aplica o Taylorismo.
    Taylorismo é caracterizado por dar aos trabalhadores sempre as mesmas tarefas, de modo a que eles fiquem especializados no que fazem. O único defeito do Taylorismo é que, por vezes, os operarios, ao fim do dia de trabalho, ficam com tiques.

     
  • At 13.12.06, Anonymous Gonçalo Gomes said…

    O modelo americano ficou conhecido por uma nova maneira de trabalho:

    -Taylorismo: Um método que punha os operários a realizar uma tarefa específica para que evoluisse a sua maneira de trabalho.

    -Estandardização: Consistia em ter sempre os mesmos modelos para que haja produção em série, em larga escala e sem erros.

    -Trabalho em cadeia: Devido aos tapetes rolantes, os objectos eram levados até ao operário, evitando que o trabalhador se deslcasse muito.

     
  • At 13.12.06, Anonymous Jó e bárbara said…

    Após a guerra, a produção americana foi muito elevada devido a 2 factores: um grande aumento da procura, pois os trabalhadores tinham ordenados mais elevados e menos horas de trabalho, tendo assim dinheiro e tempo para comprar o seu próprio carro; e a mudança de técnica de trabalho nas fábricas.
    A pessoa que inventou este método foi Henry Ford, que, a partir da empresa Ford, introduziu o trabalho em cadeia (é o trabalho em que, através de tapetes rolantes, o objecto que se está a montar passa por várias secções e por diversos operários, não tendo assim este de deslocar-se do seu lugar) e passou a fabricar um único modelo do automóvel: o modelo T, muito vendido em 1908. Isto deu-se graças as seu baixo preço, aos salários elevados e ás próprias facilidades de crédito introduzidas pela administração da Ford Motor Company.
    A publicidade passou a ser muito importante nas sociedades industrializadas porque com o aumento da produção e com o poder de compra da população foi necessário para que o consumista pudesse ter acesso ao produto. Assim, com a descida de preço e com o aumento dos salário, produtos que antes eram caros passaram a estar ao alcance da população, fazendo com que os lucros aumentassem.

     
  • At 13.12.06, Anonymous Rita, Patrícia & Ricardo said…

    Após a Guerra, alguns países, como os EUA, procuram o crescimento da produção americana, pois houve um aumento na procura e a adopão de um novo sistema de organização de trabalho.
    Foi Henry Ford quem aplicou em suas frábicas de automóveis uma nova forma de organização de trabalho, denominada Fordismo, este baseava-se na aplicação do Taylorismo e do trabalho em cadeia; estandardização, permitindo a produção em massa; aumentou os salários, motivando assim os operários, que por sua vez produziam em maior número.
    Este modelo americano de produção em série, não tardaria a eclodir noutros países.

     

Enviar um comentário

<< Home